Você não tem os papéis necessários para acessar este portlet.
 
Certificados

 

Notícias

Prêmio Celso Furtado - Projeto premiado propõe plantio de mudas com geração de renda em municípios degradados do Tocantins

Brasília, 6/3/2013 - Geração de renda e recuperação de áreas urbanas e rurais no norte do Tocantins. Esse é o foco do projeto científico Cidades Verdes, uma das iniciativas vencedoras da edição de 2012 do Prêmio Celso Furtado de Desenvolvimento Regional, que será entregue pelo Ministério da Integração Nacional durante a I Conferência Nacional de Desenvolvimento Regional (CNDR).

De autoria do economista José Ribamar Félix, de 53 anos, a ideia do projeto é resgatar a flora da área conhecida como Bico do Papagaio, que abrange 25 municípios tocantinenses, atingida ao longo dos últimos 30 anos por uma intensa degradação. Com a montagem de viveiros para a produção de mudas, o intuito é repor a vegetação e, ao mesmo tempo, gerar matéria-prima para a produção de polpas de frutas típicas da região, como o bacuri, a bacaba e o açaí.

De acordo com o autor do projeto, o reflorestamento da área contribuirá para a redução das emissões de gases poluentes na atmosfera. Outro ganho será alcançado a partir da produção das polpas de frutas. A do açaí, por exemplo, poderá ser explorada para sintetizar a chamada fibra longa, um dos componentes do papel.

Ribamar Félix destacou a parceria firmada com o centro de pesquisa da cidade de Telêmaco Borba, no Paraná, para testes e produção dessa celulose longa. "O Brasil já importa mais de 70% dessa matéria-prima. Com isso, além de recuperamos a vegetação rural e urbana, vamos gerar renda por meio das mudas, polpas e produção de celulose", garantiu.

O projeto Cidades Verdes foi premiado na categoria III - Projetos Inovadores para Implantação no Território. "Esse não é um prêmio apenas meu, a própria comunidade está envolvida nisso. Muito bacana eu, sendo da região, estar contribuindo e retribuindo à natureza e à população", avalia o economista tocantinense.

Prêmio Celso Furtado - Com o objetivo de promover uma maior reflexão entre poder público e sociedade civil sobre o tema desenvolvimento regional, o Ministério da Integração Nacional, lançou, em 2009, o Prêmio Celso Furtado. A entrega da premiação aos autores dos nove projetos vencedores será realizada no dia 19 de março, durante a abertura da I CNDR, em Brasília (DF). Ao todo, são R$ 210 mil reais em prêmios.